segunda-feira, 31 de outubro de 2005

O desacordo

A ler no Jornal de Negócios: "Os trabalhadores que venham a perder o emprego no âmbito de rescisões por mútuo acordo vão deixar, no futuro, de ter direito a subsídio de desemprego. As rescisões amigáveis só darão direito a subsídio quando integradas em operações de reestruturação, de viabilização ou de recuperação, justificadas e comprovadas financeiramente, de acordo com a legislação já existente."(...)"O Governo prevê ainda uma excepção para as empresas que possam alegar despedimento colectivo ou extinção do posto de trabalho. Com esta alteração, anunciada aos parceiros sociais na passada sexta-feira, o Ministério do Trabalho vem complicar a vida das empresas que pretendam fazer despedimentos."

quarta-feira, 26 de outubro de 2005

Num domingo de manhã!...

As fotos foram tiradas no último domingo, no Esteiro de Estarreja (canais da Ria de Aveiro)...


Águia de Asa Redonda... Eu e o astro descobrimos o pouso dela... (@astro)


Águia de Asa Redonda em pleno voo... (@astro)


Peneireiro Cinzento (@astro)


Um grupo de Cegonhas... Para quem conhece - esta foto foi tirada na rotunda do hospital... (@astro)

Quando a minha máquina, prometida, chegar, as fotos passam a ser da minha autoria... Até lá...

terça-feira, 25 de outubro de 2005

Greves

Esta "paralização" dos magistrados, funcionário judiciais e demais profissionais da justiça faz-me lembrar a pescada, aquela que antes de o ser já o era...

O dia em que a Europa tremeu em Lisboa (II)

Existem vário livros cuja temática é o terramoto de 1755.

No campo da ficção destaco o livro "O Terramoto de Lisboa e a Invenção do Mundo, de Luís Rosa, numa edição da Presença, e também o "Candide" (Cândido ou o Optimismo), de Voltaire, onde o ingénuo Candide passa por uma série de peripécias em Portugal entre elas um naufrágio, um terramoto, tendo ainda tempo para assistir a um auto-da-fé e de ser flagelado...

No verão foi editado pela Gradiva o livro "O Grande Terramoto de Lisboa: Ficar Diferente", de Helena Carvalhão Buescu e Gonçalo Cordeiro. Este e ainda os livros "1755, O Terramoto de Lisboa", de João Duarte Fonseca (Argumentum) e a reedição pela Almedina dos "Escritos sobre o terramoto de Lisboa" de Kant, organizado pelo António Araújo vão estar em destaque no ciclo "Ciência na Almedina" do dia 28 de Outubro.

segunda-feira, 24 de outubro de 2005

O dia em que a Europa tremeu em Lisboa (I)

Agora que passam 250 anos sobre o terramoto de 1755, convém recordar este acontecimento que mudou Portugal e também a Europa. As consequências do terramoto foram tais que influênciaram a sociedade, a religião, a ciência e também a filosofia. É sem dúvida um dos acontecimentos fulcrais do século XVIII. O terramoto e suas consequências estão a ser analisados pela tsf, em mais um conjunto de programas elaborado por Fernando Alves e Alexandrina Guerreiro. Eu sugiro vivamente estes programas e atrevo-me a sugerir também uns quantos livros, mas isso fica para o post de amanhã.
Ao longe
A infância
Idade
Em que a saudade
Fica a longa
Distância

sexta-feira, 21 de outubro de 2005

Silêncios

Acabado o tabu (já devemos ir no vigésimo quarto...) temos o nosso ex-primeiro ministro de volta ao prime time.
Este suposto "regresso", primeiro não o é pois embora afirme não ser um político profissional "sempre esteve presente" (a là Felgueiras) através de certas pessoas e políticas, como é o caso de Manuela Ferreira Leite, ou mesmo Marques Mendes. No entanto, esta presença sempre foi feita a partir dos bastidores daí ser para mim uma presença sombria, como alías foram os 10 anos do seu governo. Foram anos perdidos. Anos que alimentaram os maus vícios que agora habitam alegremente a nossa sociedade.

Pode ser um problema meu, admito que sim, mas tudo o que Cavaco diz soa-me a vazio, e sinceramente não queria ter um Presidente da República assim.

Para lembrar a matéria dada.

Informação!?

Para quem quer saber as notícias do mundo, há um site que mostra as primeiras páginas de alguns dos jornais publicados em todo o mundo...

Este blog vai passar a ter um link permanente para o Today’s Front Pages...

Hoje GRRRRR

Hoje é um daqueles dias em que mais valia não ter saído da cama...
Lá fora cai a chuva, abro a torneira para tomar banho e eis que acontece o impensável... absolutamente nada... nem uma pinga...

quarta-feira, 19 de outubro de 2005

Um pouco de HUMOR!...

segunda-feira, 17 de outubro de 2005

Influenza A (H5N1)

Como por vezes a informação que os media nacionais transmitem não é cientificamente correcta aqui ficam alguns links para ficarmos a saber tudo sobre gripe das aves e as várias estirpes que por aí andam, em particular a H5N1.
Convém visitar o CDC - Centro para Controlo e Proteção de Doenças dos EUA e a OMS - Organização Mundial de Saúde.
O NEJM (New England Journal of Medicine também tem disponíveis uma série de papers sobre o assunto.

Tanta asneira junta

Morais Sarmento em entrevista no Diário Económico.
Será difícil nos próximos tempos encontrar tanta asneira junta numa só entrevista. Realmente notável!

quinta-feira, 13 de outubro de 2005

Enquanto isso, em Portimão ...

É curioso como todos estão surpreendidos com a celeridade com que foram ouvidas as testemunhas de acusação no julgamento de Leonor Cipriano e de João Manuel, em Portimão. Ora a mim parece-me natural. Já no julgamento do caso "Farfalha", nos Açores, aconteceu o mesmo, foram ouvidas cerca de 200 testemunhas em poucos dias.

O que não é claramente "natural" é um julgamento durar mais de um ano, um bom (mau) exemplo é caso "Casa Pia".

Uma outra coisa que eu não entendo é porque demora tanto tempo a ter início um julgamento após a dedução da acusação e pronuncia dos arguidos...

Será que no dia 26 de Outubro este será um dos tópicos de conversa durante aquela que já é descrita como a greve "total" da Justiça...

terça-feira, 11 de outubro de 2005

Ajuda

Se a notícia fosse acerca de uma qualquer Madrassa fonte de possíveis terroristas era bem possível que abrisse todos os telejornais e concerteza seria capa dos jornais diários, mas não é o caso...

Ainda não há certezas quanto ao número de vítimas do terramoto de magnitude 7.6 (Richter) que atingiu a região de Muzaffarabad no Paquistão... A situação é muito grave e começam a ser estruturadas campanhas de ajuda.

Para ajudar podem visitar a Unicef, a Oxfam, o World Food Programme, o Kashmir International Relief Fund e a Cruz Vermelha/Crescente Vermelho

segunda-feira, 10 de outubro de 2005

No O Acidental podemos encontrar uma cópia da missiva enviada pelo Major Valentim a alguns dos eleitores.

Tenho a impressão que José Sócrates ontem deve ter sentido um arrepio na espinha quando Valentim falou dele... e ainda para o elogiar... coitado do nosso primeiro ministro!

Ja vamos no V...

O Vince passa ao largo da Madeira, mas não leva Alberto João...

Os eleitos locais

Mais umas autárquicas, mais uns mandatos distribuídos aqui e ali, mais uns processos crime, mais umas especulações imobiliárias, mais umas rotundas, e daqui a 4 anos lá vamos nós outra vez...

E o que é que evolui... nada. Será que a qualidade de vida na maioria das freguesias e concelhos do país tem melhorado? Será que as Juntas de Freguesia e Municípios realmente tentam ajudar as suas populações? Penso que na maioria dos locais nada acontece, e o que é melhorado acaba por ser mais uma consequência da governação nacional do que propriamente da governação local.

Eu moro em Rio Tinto (Gondomar) e trabalho no Porto. Tenho de aguentar com mais 4 anos de gestão danosa na Câmara de Gondomar e com 4 anos de Rui Rio no Porto. Imigrar é uma possibilidade em aberto! Emigar também....

Hoje estou...

Hoje estou ‘triste’... perdi as eleições!
Estou ‘triste’, não por mim... pois a minha contribuição seria diminuta! Mas pelas pessoas que apoiei... que iam ajudar a fazer crescer a minha terra!
Fico desiludida... pelas pessoas votarem no populismo, no bem falante... e se esquecerem de que não é assim que andamos para frente...
A minha terra é pequena... mas muito ainda lá a fazer... Parece que vou ter que esperar mais 4 anos!